dicas pra fotografar animais

9 06 2011

eu acho q a técnica de iluminação é meio q indiferente, o problema é lidar com o animal pra ele colaborar com o ensaio. luz contínua pode deixar o animal quente, flash pode assustar… tem vantagens e desvantagens e vc vai pastar de um jeito ou de outro pra conseguir o q vc quer. e vcnão tem como prever com qual o animal prefere. cães costumam ser mais indiferentes, ja alguns gatos odeiam flashes.

mantenha o dono (q não é o mesmo q proprietário, dono é o q cuida) sempre por perto pq a presença acalma o animal. use os brinquedos pra atrair a atenção deles, biscoitos e carninhas, desses q tem em pet shop, pra recompensar. e DE bocados de alimento qdo vc oferecer, senão o bicho se sente q nem idiota e pode passar a não colaborar. alguns gostam de barulhinhos, bolinhas q fazem som e tal. alguns não aceitam q vc chame a atenção dele, não comem da sua mão, ai o dono se torna uma ferramenta importantissima para fazer o animal “posar”. vc pode alternar todos estas técnicas.

ANTES DE MEXER NO ANIMAL SEMPRE apresente o dorso da mão pra ele cheirar, mantendo-se na altura dele, sem movimentos bruscos e com suavidade pra ele cheirar (claro q o animal deve estar na coleira com o dono ao lado). se ele rosnar ou qquer coisa, respeite. vc pode tentar comprar ele com comida, mas sempre peça permissão. tem gente “malhação”, q fica nervoso qdo vc da comida pro bicho dele (talvez pq ele não possa comer e quer q o bicho tb não coma! laughing.gif ) fale baixo com ele, faça amizade, senão o projeto vai pras picas. este primeiro passo é fundamental.

é importante q o ensaio seja razoavelmente rápido, depois de uns 30 minutos o animal começa a ficar agitado, ainda mais se não tiver agua. qdo ele cansar, de um intervalo de pelo menos 10 minutos, uma volta rapida na rua pro bicho sossegar. provavelmente ele vai se deixar fotografar novamente.

NUNCA utilize nenhuma forma de tranquilizante ou sedativo. primeiro pq é uma bruta sacanagem com o animal. em segundo lugar pq se vc errar, pode matar (e tem raças q são sensíveis a determinados medicamentos). em terceiro lugar pq é um ato criminoso e so um médico veterinário pode fazer este tipo de procedimento.

o melhor seria ter um cão e treina-lo, mas nem sempre é trabalho de publicidade desse tipo.

gatos são animais bem mais dificeis de lidar, uns fora de casa vão se tornar anjos, outros vão achar q são leões. eles vão invariavelmente querer ficar dentro do lugar de onde eles vieram (caixa de transporte) e sempre q vc der uma brecha ele vai tentar fugir. por isso mantenha o ambiente LACRADO, janelas fechadas, portas fechadas e sem locais altos pra ele subir. cuidadon com ar condicionado central. mantenha tb um par de luvas de raspa por perto, caso o bichano comece a dar piti. e to falando serio.

o truque da comida não funciona bem, mas os brinquedinhos e sons funcionam melhor e por mais tempo. gatos gostam de caçar, vc pode aproveitar este comportamento pra fotos “sou um caçador de ratos” e pra chamar a atenção. o problema é q demora pra maioria dos gatos se sentir em casa e eles são extremamente territoriais, então… paciencia!

1 ensaio de humanos =1/4 de ensaio de animais (uma comparação q eu constato na prática). vc pode demorar dias pra conseguir A foto.

pra cães o ensaio out door é classe, bem mais sossegado apesar de ser mais trabalhoso pra gente e não fornecer o resultado q um estudio fornece.

dica de livro: adestramento inteligente do alexandre rossi. ele fornece umas técnicas de adestramento rápido, ai vc consegue mais coisas em menos tempo.

vc ainda por cima faz um filme danado com o cliente pq ensina pra ele umas boberinhas sobre o comportamento animal e ele vai achar q vc é O cara. especialmente se vc pegar a manha de lidar com gatos. dono de gato em geral é uma praga, mas ele sempre faz o q vc quer, paga bem e são dedicados.