cinomose – um perigo para cães filhotes e idosos

1 12 2011

uma das piores doenças que atacam os cães é a cinomose, doença causada por um paramyxovirus que tambem atinge alguns felinos (existem relatos de caso em tigres e leões), pinipedes (focas e leões marinhos) alem de furões, onde a doença é mortal. é uma doença tão grave que se tem receio que seja levada para colonia de focas, por ter o potencial de dizimar toda população.

esta doença ataca o epitelio: a pele e seus derivados. com isso, os primeiros sintomas são problemas respiratorios, diarreia e outros problemas gastro intestinais, remela nos olhos, e sintomas nervosos (pois o sistema nervoso tem a mesma origem da pele, qdo pensamos no desenvolvimento desde o embrião) como tremores localizados ou não, ate mesmo convulsões.

a maior questão é q esta doença algumas vezes pode ser curada apesar de poucas chances. com algum tratamento em unidades de terapia intensiva, mta dedicação, uma certa dose de sorte e mta grana gasta com medicação, alguns animais restam para contar historia. porem é mto comum que estes sobreviventes adquiram problemas no sistema nervoso com gde possibilidade de serem permanentes.

estes problemas se devem a destruição de algumas substancias presentes no tecido nervoso, que são essenciais para correta transmissão dos impulsos. por isso o funcionamento não é mais o correto. e qto mais avançada a doença for, mais problemas nervosos o animal carregará para o resto da sua vida, mesmo quando curado.

as sequelas nervosas variam desde tremores, passando por convulsões, alterações de movimentação que pode ser leves ou graves, alterações de comportamento das mais variadas, até aquele animal que mal consegue se mover sem ajuda. é impossível ter certeza das consequencias, so sabemos que elas serão graves.

no caso de animais idosos, acontece mais ou menos a mesma coisa, e o animal começa a apresentar sinais de confusão mental, tremores, andar em circulos, etc. porem este quadro é dubio, diversas afecções podem levar a quadros semelhantes, portanto o médico veterinário irá analisar todo o quadro para o correto diagnostico. por isso as vezes demora para se descobrir e medicar adequadamente.

por todo este quadro complexo e altamente incapacitante, existe uma discussão mto ampla quanto a eutanasia de um animal q esteja com um quadro avançado de cinomose. se o animal estiver caminhando pra um quadro claro nervoso já na infecção aguda, é mto provavel q as sequelas sejam graves e ai a qualidade de vida é uma questão crucial. será que é digno para um animal (e para o seu dono) que ele viva sem ao menos conseguir realizar suas necessidades de forma adequada?

esta pergunta não posso responder e deve ser discutida caso a caso com o veterinario responsavel pelo diagnostico, levando em conta desde a possibilidade do proprietário até o conforto que este animal terá. o minimo de dignidade necessária é a capacidade de defecar, urinar e se alimentar adequadamente.

Anúncios